Período Fértil para Engravidar

É normal que desde que a mulher começa a manter relações sexuais frequentes ela queira aprender sobre o seu período fértil para engravidar, mas nem sempre essa preocupação aparece porque ela deseja conceber um filho, mas sim, para evitá-lo. Normalmente, se determina o período fértil para engravidar por meio da tabelinha, que muitas mulheres utilizam como método contraceptivo, embora, seja o menos eficaz de todos, porque além de exigir muita disciplina da mulher, que não poderia transar nos dias férteis, nem todas elas possuem um ciclo menstrual regular.

Curiosamente, quando a mulher decide por começar uma gestação, ela busca informações sobre o seu período fértil para engravidar na tabelinha, a mesma que ela usou para não ser mãe desde que iniciou a sua vida sexualmente ativa. Nesse sentido, o método é mais eficiente, pois determina qual o período para engravidar e que, por isso, ter relações com o parceiro nesses dias vai aumentar as chances de gerar uma criança.

Porém, o melhor período para engravidar de uma mulher que não possui um ciclo menstrual regular é mais difícil de identificar, pois sai dos padrões. Nesse caso, é preciso observar o organismo para identificar se o ciclo é maior ou menor do que 28 dias e com que frequência ele se comporta da mesma forma. Além do dia fértil por meio da tabelinha, ele pode ser determinado através de testes de ovulação de farmácia, temperatura basal e outros métodos.

Como calcular ciclo menstrual

Quando se trata do ciclo menstrual regular, o comum é que o período para engravidar de uma mulher seja o 14º dia do seu ciclo menstrual, assim como de dois a três dias antes e depois dessa data. O ciclo, em geral, dura entre 23 e 35 dias para a maioria das mulheres, sendo que o mais regular se caracteriza pela duração de 28 dias. Ou seja, o dia da ovulação é bem no meio do ciclo. Além disso, somente uma percentagem de 20% das mulheres tem um ciclo menstrual irregular. Mesmo os irregulares começam a ser contados a partir do primeiro dia de menstruação.

Vale lembrar que existem três etapas que constituem um ciclo menstrual: a fase folicular que é o período entre a menstruação e ovulação e que pode variar; a fase ovulatória, quando o óvulo é liberado, o período fértil; e a fase lútea, que ocorre após a ovulação até a próxima menstruação. Esta última fase é relativamente constante, em geral, em torno de 14 dias e não varia na mesma mulher.

Por isso, o mais adequado é que na hora de calcular o dia fértil do ciclo se subtrai 14 dias da data do seu próximo ciclo. Ou seja, se o seu ciclo é de 30 dias, o trigésimo dia menos 14 dias vai apontar que a ovulação acontece no 16º dia.

Como calcular dia fértil do ciclo irregular

Já os ciclos menstruais irregulares devem ser calculados levando em consideração o ciclo mais curto e o mais longo. É preciso, portanto, fazer um relatório de como se porta o seu ciclo a cada mês, marcando o primeiro dia da menstruação. Dessa forma, pode usar a seguinte fórmula: subtrair 14 dias do ciclo mais curto (dia da ovulação); depois subtrair 14 dias do ciclo mais longo (dia da ovulação); e subtrair três dias do dia da ovulação do ciclo mais curto e somar três dias ao dia da ovulação do ciclo mais longo. 

Embora pareça complicado, quem não tem o ciclo regular não deve se preocupar se o seu desejo é o de ser mãe. O mais adequado é que mantenha relações com o seu parceiro em dias alternados, o que segundo os especialistas colabora para o início de uma gestação.

Deixe um Comentário

Nome (Obrigatório)

Email (Obrigatório - não será publicado)

Website

Message (Obrigatório)


Todos os direitos reservados Copyright © EuQueroEngravidar.com.br .